História do Brazil, Volumen 2

Portada
 

Comentarios de usuarios - Escribir una reseña

No hemos encontrado ninguna reseña en los sitios habituales.

Páginas seleccionadas

Otras ediciones - Ver todo

Términos y frases comunes

Pasajes populares

Página 406 - onde se não deu quartel, o mesmo foi ser ferido que morto, deixando os amigos aos amigos, e os irmãos aos irmãos, por mais não poderem, ficando os miseráveis feridos n'esses matos, n'essas estradas, sem cura, sem remédio, sem companhia, para serem mortos a sangue frio, e cruelmente despedaçados dos alfanges hollandezes, pelo rei, pela pátria, pela
Página 409 - com o tomar. Se um só homem, que tomou, perdeu o mundo, tantos homens a tomar, como não hão de perder um Estado ? Este tomar o alheio, ou seja o do rei, ou o dos povos-, é a origem da doença : e as varias artes e modos, e instrumentos de tomar são os symplomas, que, sendo de sua natureza mui
Página 406 - é possível que hão de andar descalços e despidos uns corpos tão ricos de valor? Descalços e despidos os soldados do rei das Hespanhas, do mais poderoso monarcha do mundo? Bem sabemos a quanta estreiteza está reduzida a fazenda real no tempo presente, mas quando el-rei n'este estado não tivera outra
Página 410 - arredores, que sem sahir da Bahia, como se quatro vezes fora a Argel, quatro vezes se resgatou com o seu dinheiro. Como se havia de restaurar o Brazil, se os mantimentos se abarcavão com mão d'el-rei, e talvez os vendião seus ministros, ou os ministros de seus ministros (que não ha Adão que não tenha
Página 405 - boa, nomeado, applaudido, premiado, eo que acertou, o que trabalhou, o que subiu a trincheira, o que derramou o sangue, enterrado, esquecido, posto a um canto. Importa pois que não roube a negociação o que se deve ao merecimento; que se desenterrem os
Página 408 - Adão, mandando-lhe que o guardasse e trabalhasse; elle parecendo-lhe melhor o guardar que o trabalhar, lançou mão á arvore vedada, tomou o pomo, que não era seu, e perdeu a justiça, em que vivia, para si e para o género humano. Esta foi a origem do peccado original, e esta é a causa original das doenças do Brazil,
Página 410 - a cubica de quem vendia, ea necessidade de quem comprava? Como se havia de restaurar o Brazil, se os navios, que sustentão o commercio e enriquecem a terra, havião de comprar o descarregar, eo dar querena, eo carregar, eo partir, e não sei se também os ventos? Como se havia de restaurar o Brazil, se o
Página 403 - ao valor e não á valia; que depois que no mundo se introduziu venderem-se as honras militares, converteu-se a milícia em latrocínio, e vão os soldados á guerra a tirar dinheiro com que comprar, e não a obrar façanhas com que requerer. Se se guardar esta egualdade, entrará em esperanças o mosqueteiro, e soldado de fortuna, que também para elle se
Página 403 - Já n'aquelle tempo se não arriscava a vida senão por seu justo preço, já então não havia no mundo quem quizesse ser valente de graça. Necessário é logo que haja prémios para que haja soldados ; e que aos prémios se entre pela porta do merecimento

Información bibliográfica